Diario de uma mãe louca

segunda-feira, janeiro 09, 2006

MARÉ NEGRA




Há uma maré negra
que avança…
sobre o vulto
deitado nu
enrolado na areia…

Sobre a maré
esvoaçam
aves cegas…
ziguezagueiam
tontas…
no escuro
esvaídas
em sangue…
caiem a pique
mortas…
sobre o vulto que

a maré negra
arrancou…
à areia
e engoliu
num só trago…
como um cálice de veneno !

Mãe


Posted by Mae :: 03:41 :: 4 comments

Post a Comment

------------------------------